hajime-isayama-ataque-dos-titãs-manga-anime-dionisio-arte-2
Quadrinhos

Ataque dos Titãs, do Gênio dos Mangás Hajime Isayama

20 de abril de 2016

A derrota do gigante repercute mais do que a vitória do medíocre. Nessa premissa, nasceu “Shingeki no Kyojin”, o nome japonês de “Ataque dos Titãs”. Esse é mais um trabalho do gênio Hajime Isayama.

hajime-isayama-ataque-dos-titãs-manga-anime-dionisio-arte-2

Não se engane pela pouca idade (29 anos). Hajime Isayama é visto como um dos futuros mais brilhantes dos mangás japoneses, sendo o criador, editor e ilustrador de um dos maiores sucessos do momento.

Nascido em Oita, no Japão, Isayama já apresentava um futuro promissor no colégio. Depois de formado, se inscreveu no programa de desenho mangá do Departamento de Artes de Kyushu Designer Gakuin.

Lá, ganhou o “Magazine Grand Prix” de 2006 e sua carreira começou a deslanchar, com a criação do Anime e Mangá “Ataque dos Titãs”.

hajime-isayama-ataque-dos-titãs-manga-anime-dionisio-arte-3

Com traços fortes e uma linguagem moderna, “Ataque dos Titãs” conta a história dos humanos que vivem em uma cidade criada dentro de grandes muros para se protegerem dos ataques sem motivo aparente protagonizados por gigantes humanóides pitorescos.

Eren Yeager, sua irmã adotiva Mikasa Ackerman, e seu amigo Armin Alert  saem em busca de respostas e de vingança, após a mãe de Eren ser executada pelos titãs.

hajime-isayama-ataque-dos-titãs-manga-anime-dionisio-arte-4

Isayama prefere usar o seu tempo distribuído da seguinte maneira: 1 semana para escrever e 2 semanas para desenhar.

Contudo, ele consegue enxergar os diálogos criados a partir de inspirações que surgem na sua cabeça e, assim, se aprofundar e alongar o período de desenho.

Inicialmente, o autor informou que pretende terminar a série com um fim trágico. No entanto, com a afirmação do Anime e a produção do filme, tudo leva a crer que essa matança toda será reconsiderada.

Uma curiosidade muito interessante é que Isayama teve a ideia de criar “Ataque dos Titãs” quando viu um bêbado com extrema dificuldade em se comunicar numa cafeteria da cidade em que morava.

E olha que esse bêbado realmente foi inspirador pro criador da série. Por exemplo, a comunicação dos titãs por meio de sons e gestos estranhos… é outro fato que não preciso nem dizer da onde veio, né?!

A a ideia da cidade cercada também surgiu do ambiente em que Isayama nasceu e cresceu. A inspiração foi a zona rural.

Uma última curiosidade vem do nome Armin (de um dos personagens principais). Isto pois, ele pode ter vários significados, todos de origem alemã, como “todo” e “soldado”.

hajime-isayama-ataque-dos-titãs-manga-anime-dionisio-arte-5

Depois da trama se desenrolar, metade dos que assistiram o anime só enxergam a esperança e esqueceram que um dos personagens principais tem um passado trágico.

O que resta para você, leitor, saber é:  Quem é o gigante e quem é o medíocre na história?

 

DICA:

Se você se interessou pelos traços e ideias e quer começar a ler o mangá, comece pela #01. Ao contrário da Marvel e da DC, o universo da minissérie “Ataque dos Titãs” possui uma ordem cronológica racional. Assim, você pode se preparar para o filme que vem aí!

hajime-isayama-ataque-dos-titãs-manga-anime-dionisio-arte-1